Entre em contato:

What'sApp: (21) 979640613
E-mail: atendimento@shopmedical.com.br
Visite nossa loja: www.shopmedical.com.br

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Vacina potente pode curar Alzheimer, diz estudo


Anticorpo teria que ser aplicado antes dos primeiros sintomas
Uma vacina potente, se aplicada antes do surgimento dos sintomas, pode prevenir o mal de Alzheimer. A injeção teria que ser dada nas primeiras fases da doença, segundo cientistas. As informações são do Daily Mail.
Ao impedir que a doença tome conta, os pesquisadores esperam abrir caminho para a erradicação completa. Pesquisadores da Universidade de Georgetown, em Washington DC, descobriram que se o anticorpo for dado muito tarde pode provocar inflamações no cérebro.Eles testaram um anticorpo chamado PFA1 em ratos criados com sintomas de Alzheimer.
O anticorpo foi projetado para limpar amilóide, uma proteína nos cérebros de pessoas com a doença. Embora o PFA1 tenha reduzido a quantidade de amilóide no cérebro, os ratos que tinham maior quantidade da proteína no cérebro no início do estudo foram mais propensos a mostrar sinais de inflamação após o tratamento.
Aqueles com menores níveis de amilóide não experimentaram o mesmo nível de inchaço e mostraram um benefício significativo da vacina.
Alzheimer é uma doença progressiva e física que afeta o cérebro, destruindo as ligações entre as células. Sinais iniciais incluem esquecimento, mas pode levar a uma mudança de personalidade completa e incapacidade de falar ou andar.