Entre em contato:

What'sApp: (21) 979640613
E-mail: atendimento@shopmedical.com.br
Visite nossa loja: www.shopmedical.com.br

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Sete dicas para controlar a alergia nos olhos


Coceiras são comuns nesta época, mas podem desencadear problemas de visão.
Quem é alérgico a pó e poluição geralmente fica ainda mais sensível nesta época em que a umidade relativa do ar permanece abaixo da média por longos períodos. Além dos sintomas relacionados ao aparelho respiratório, as pálpebras podem coçar tanto que, além de ferir a pele ao redor dos olhos, acabam desencadeando até mesmo uma infecção ocular.
“Pálpebras e cílios protegem os olhos de corpos estranhos, mantendo a córnea lubrificada. Tanto é assim que os olhos piscam mais frequentemente quando algum agente irritante entra em contato. Aos primeiros sinais de irritação em torno dos olhos, é importante tomar medidas que contenham o avanço do problema e procurar um oftalmologista se a coceira persistir. Crianças alérgicas, inclusive, estão mais sujeitas a desenvolver ceracotone, que é uma doença degenerativa do olho”, diz o doutor Renato Neves, diretor do Eye Care Hospital de Olhos (SP).
O especialista destaca a importância de o paciente aprender a identificar os agentes que mais facilmente irritam seus olhos, a fim de evitar desdobramentos como inflamação e infecção ocular. “Além da poluição atmosférica, principalmente nos dias mais secos do ano a pessoa deve checar se a coceira não é proveniente do uso de algum xampu, cosmético ou maquiagem”.
Delineador, lápis, rímel, sombra e pó compacto, por exemplo, podem ser tão agressivos a determinadas pessoas que acabam desencadeando conjuntivite. Isso também acontece quando os olhos entram em contato com alguns tipos de xampu e condicionador. O doutor Renato Neves aponta sete dicas para evitar crises alérgicas: 1.Lavar os cílios com uma gota de xampu neutro para tirar qualquer resíduo prejudicial aos olhos | 2.Usar compressas geladas, para amenizar a coceira | 3.Pingar lágrimas artificiais para lubrificar bem o cristalino, e evitar o ressecamento | 4. Tirar as lentes de contato antes de dormir, sempre | 5.Usar óculos escuros sempre que estiver ao ar livre – mesmo nos dias nublados | 6. Selecionar maquiagem de boa procedência, antialérgica | 7. Lavar bem o rosto antes de dormir, removendo todos os resíduos de poluição e a maquiagem.
“De preferência, a pessoa alérgica deve lavar o rosto com um sabonete infantil e enxaguar os cabelos sempre com a cabeça inclinada para trás, jamais para frente. A correta higiene dos olhos não deve ser negligenciada nunca, já que o fato de coçar demais a vista pode contribuir para a contaminação por alguma bactéria oportunista”, diz o médico.